O Dia Internacional de Sensibilização para a Prematuridade foi organizado pela EFCNI (European Foundation for the Care of Preterm Infants). Todos os anos, cerca de 15 milhões de crianças nascem antes do tempo. Mesmo com o redução do número total de nascimentos, o índice de nascimentos prematuros continua aumentando.  À medida que essas crianças crescem, elas têm maior risco para problemas de aprendizagem e comportamentais, paralisia cerebral, deficiências sensoriais e motoras, infecções respiratórias crônicas e doenças cardiovasculares ou diabetes, em comparação com bebês nascidos a termo. Apesar do elevado número de nascimentos prematuros e os riscos neles envolvidos, a maioria da população não está ciente de que muitas vezes é possível prevenir o parto prematuro e suas consequências para a saúde do bebê.

Nós, do Na pracinha, entendemos a importância da conscientização e compartilhamos os relatos inspiradores das mamães corajosas e seus filhos vitoriosos!

Se você quiser saber mais sobre o assunto, recomendamos:
Prematuridade
Projeto Pequenos Guerreiros

Fonte: Prematuridade.com e EFCNI.