Já é sabido que com a chegada de um filho a vida do casal muda muito. E estas mudanças trazem algumas inseguranças, alegrias, medos e angústias tanto para as mamães quanto para os papais. O que fazer para passar por este momento de forma mais tranquila e saudável?

1º – Não deixar que a cumplicidade e companheirismo entre o casal se percam no meio das mudanças, lembre-se para vocês dois TUDO é novidade, portanto os dois estão no mesmo barco. Cuidem-se mutuamente.

2º – Reconhecer quais são os sentimentos que estão pairando em seu ser: alegria, medo, tristeza, cansaço, vontade de chorar, vontade de sair correndo etc. Esta “tarefa” parece fácil, mas não é, pois os sentimentos estão tão misturados que é difícil saber o que realmente está sentindo.

3º – Identificar o que está causando estes sentimentos. Pois quando a causa é descoberta, é possível tomar certas precauções para que aquilo que é ruim seja evitado e o que é bom seja repetido.

4º – Eleger um “anjo da guarda”, ou seja, perceber quem lhe faz bem e que você confia para desabafar tudo o que está acontecendo e que pode lhe dar dicas realmente valiosas para lhe ajudar a lidar com toda a novidade inclusive as dúvidas de como lidar com o bebê. Não sofram calados.

5º – Livrar de todos os “palpiteiros” de plantão e de tudo aquilo que lhe causar incômodo. Neste período papai, mamãe e bebê têm o direito de ver e fazer apenas aquilo que lhes faz bem.

Estas dicas acima não resolverão tudo o que o casal passa logo depois que o bebê nasce, mas com certeza amenizará um pouco. E lembre-se: a união de vocês fará toda a diferença tanto neste momento tumultuado quanto para o resto da vida de vocês e do bebê. Pois casal em sintonia cria filhos mais tranquilos, saudáveis, independentes, confiantes e felizes.

Até o próximo post!