Seja pelo apelo feminino do esmalte ou pela via dos
internautas, o importante é achar o gancho para que a garotada curta a
escovação. Lembre-se em primeiro lugar da posição confortável para a criança e
da técnica adequada para a idade. Vale a pena retomar o post anterior “Escovar os dentes é uma diversão I”.
E seguem então mais algumas dicas:
Se sua filha gosta de passar esmalte ou acha lindo o da
mamãe, lembre-se de dizer a ela:
– Sabia que seu dente tem esmalte
natural? Vamos escovar os dentes para dar brilho ao esmalte!
Ou conforme o personagem preferido:
-Puxa minha filha! Seus dentes estão como os da Branca de
Neve: brancos como a neve!
-E agora o fio dental, que é a própria teia do Homem Aranha!
Mas para uma boa parte da meninada o canal são os jogos de
internet e filmes de ação:
-Vamos lá! Atenção para iniciarmos a batalha! E com o poder
do flúor (ou da pasta de dente), a escova vai atacar a bactéria!-Muito bem, bactérias terráqueas eliminadas pela escova, vamos agora passar de
nível, continuando o combate com o fio dental contra as bactérias
intergalácticas.

Creeper –  o vilão do Minecraft se transforma na bactéria
E vale ainda:
-Atacando o “creeper”! E é só chamar a bactéria de
“creeper”, que é o monstro do jogo Minecraft, a febre da criançada, ou:
-Mate os “creepers” antes que façam uma cratera nos seus
dentes – porque no jogo os “creepers” explodem e destroem blocos.E para os fãs dos Angry Birds que atacam no jogo a casa do
porquinho? A ideia é mover a escova de dente e dizer:
-Angry Bird ataca!… E lá vai imaginação!

Descobrir a praia de seu filho e conduzir a conversa na
linguagem que o atinge faz a diferença! E escovar os dentes fica divertido!