– Mamãe, eu quero um brinquedo no Dia das Crianças. Mas nesse dia, é você quem tem que comprar?

-É sim, meu filho.

– Ah, então eu só vou querer no Natal mesmo…

Gabriel, 6 anos