Biscoitos artesanais da Raining Sugar

Dizem que o costume de dar lembrancinhas vem da velha Europa Medieval, iniciado entre os nobres.

Normalmente feitas em açúcar de confeiteiro, ingrediente caro antes da colonização da América, as lembrancinhas demonstravam o prestígio daqueles casais com influência e riqueza.

Mas aí a coisa se disseminou e rapidamente as demais classes também aderiram a esse hábito que hoje está nos casamentos, batizados, chás de bebê e, como não mencionar, no nascimento dos bebês.

Ainda há quem as utilize para mostrar todo esse prestígio, com lembrancinhas caras, ou um mix delas, para o visitante sair levando vários bibelôs para casa.

Mas defendemos aqueles modelos que buscam os seguintes quesitos: coerência com o tema (leia-se alguma referência com a criança que acaba de nascer), utilidade (uma foto em ímã de geladeira será utilizada por pouquíssimos visitantes) e buniteza (o cuidado com a estética influencia bastante). Também acreditamos que a simplicidade é bem mais legal que a ostentação.

Bem, mas tem para todos os gostos e bolsos. E como curiosas sobre o assunto, reunimos aqui alguns exemplos bacanas, outros que não adotaríamos e aqueles que são criativos, úteis e lindos.

Sigam com a gente:

Bombas de semente
A lembrancinha da Olívia representa a nova vida que chegou e vai crescer. Quer aprender como faz? Confira aqui

 

Scrap: We love party personalizados


A cada dia amigos queridos registram o crescimento de suas flores

Tsuru de origami
Ave sagrada do Japão, símbolo da saúde, da boa sorte, felicidade e longevidade, setimentos trazidos pela bebê à familia. Esta foi a lembrancinha de nascimento da Cecília, e foi feita pelo bisavó, na época com 86 anos <3


Chaveirinho artesanal de lua
representa o nome do bebê, Raul, ao contrário – Luar

 

Produção: O Lobo Fofurices

Chaveirinho artesanal de São Francisco:
representando o nome do próprio bebê, Francisco, assim como a fé da família no santo protetor

 

 

Porta níquel artesanal
a bebê chegou e foi uma chuva de amor. A talentosa Sandra, de O Lobo Fofurices, esbanjou na criatividade <3

 

Plantinha
Ideia super criativa da atriz Fernanda Rodrigues para a chegada do seu segundo filho. O vasinho foi personalizado com um desenho da primogêntica.

Caderninhos estilo molesquine

Representando uma nova história que se inicia com o nascimento daquele bebê




As ideias abaixo foram sugeridos pelo Mundo Ovo e achamos válido compartilhar:
Sachês – sempre úteis para perfumar nossas gavetas
Kit manicure – fofo, útil, fechamento com alfinete de fralda
Marcador de página – outro item que pode ser útil
Bem nascido com medalhinha do santo protetor da família
Um toque de personalização :)

 

Também encontramos algumas lembrancinhas que poderiam ser remodeladas:

:: A bebê é fofa, mas já nasceu amando a mamadeira :/

Cadê o incentivo ao aleitamento materno?

:: Mais um item que, apesar de às vezes ser inevitável, melhor não incentivar.

O bebê precisa estar com a chupeta na boca?

 

E tem as lembrancinhas das celebridades, que não podemos deixar de comentar

 

Fofa – um novo navegante em nosso mar {Carol Trentini}

 

 

Lindo! Mas se o visitante não tem filho, o que ele vai fazer com isso mesmo? {Ivete Sangalo}

 

As tradicionais gulodices – você visita e dá uma engordadinha ;) São práticas e podem ser utéis para as mamães que por ventura não puderam pensar em algo diferente – mas, ofereça uma das gordices rs… {Juliana Paes}

 

Kit lembrancinha – enquanto alguns oferecem um pirulito, um ursinho ou
um chocolate, outros dão tudo junto! Mas preferimos sempre a simplicidade ;) {Eliana}

 

 

Bem prática – mas com gêmeos, não podia ser diferente, né {Fernanda Lima}

 

 

#atualizado em março/16