Cair faz parte! Mas saiba como salvar o dentinho se for necessário ;)

Brincar inclui correr risco. Machucou? Ralou o joelho? Faz parte da brincadeira!
Mas e se a coisa é mais séria?
Os primeiros socorros todos devem saber. Certos procedimentos devem ser tomados imediatamente diante de um acidente: afogamento, queda batendo a cabeça, engasgamento, sangramento de maior porte e traumas dentários como quebra de dente e casos em que ele sai inteiro entre outros. Até que outras ajudas cheguem.

Quanto aos procedimentos de primeiros socorros em caso de acidentes que envolvem os dentes, vamos refrescar a memória, falando do assunto que sempre retomamos nas férias da criançada:

1) Se o dente DE LEITE sair inteiro, com raiz inclusive:
A conduta, na maioria das vezes, é não reimplantar. O reimplante, no caso do dente de leite, pode afetar o germe do permanente que ficou lá dentro e que, em geral, muda de posição no momento da batida. Ligue para seu odontopediatra e se aconselhe. Mas guarde o dente no leite, soro fisiológico ou água, até a decisão ser tomada.

2) Se o dente PERMANENTE sair inteiro, com raiz inclusive:
Conduta: REIMPLANTE IMEDIATO
Olhe bem para o dente, compare com o dente vizinho para observar onde é raiz ou coroa, onde é a parte de fora do dente e coloque-o de volta na posição. Antes disso, caso o dente tenha caído em local contaminado, lave-o com leite, soro ou água sem esfregar para não tirar as fibras que o envolvem. Peça ajuda a quem tem “coragem”, se necessário, porque esta ação sendo rápida vai aumentar muito a chance deste dente não ser rejeitado pelo organismo.
Se não consegue fazê-lo, coloque o dente no leite, soro ou água e direcione-se ao hospital ou clínica dentária de sua confiança. O dente deve ser reimplantado nos primeiros 30 minutos. Se você está longe de qualquer recurso coloque o dente em sua boca (você que é um adulto!) para mantê-lo hidratado até poder tomar uma atitude.
Faça cobertura de anti-tetânica em seu filho dependendo do local onde caiu o dente. Informe-se com o pediatra ou em um serviço médico.
Em seguida, procure o seu dentista, pois este dente será imobilizado e tratado de canal na grande maioria das vezes.

Procedimento se o dente PERMANENTE sair inteiro

3) Se o dente de leite ou permanente quebrar um pedaço:
Guarde o pedaço (caso o encontre) no leite, soro fisiológico ou água e procure o dentista. Ele fará um exame clínico e poderá fazer opção por colagem do fragmento, especialmente no caso de permanente, pois dificilmente um trabalho estético consegue imitar a perfeição da natureza do dente.
Em algumas situações a fratura é muito pequena e nada é feito, a não ser o acompanhamento do dente que pode vir a escurecer e precisar de tratamento de canal.
Mas em outros casos a dentina se expõe e deve ser protegida, ou até mesmo a fratura é tão grande que o canal pode ter sido afetado imediatamente.

Importante: Apesar das situações serem difíceis, a calma, o bom senso, e acima de tudo a compreensão com todos que estão envolvidos no acidente é fundamental para que o sucesso seja alcançado. Não se trata apenas de um dente, mas de uma cabecinha que está absorvendo tudo e que precisa dar conta de superar os desafios que se apresentam.

E aproveitamos para alertar sobre os cuidados preventivos:
:: A criança deve ser orientada a não correr em chão molhado.
:: Ensinar a cair: estender os bracinhos para proteger a cabeça na hora de qualquer tombo.
:: Orientar para que as brincadeiras não sejam de risco.
:: Tirar obstáculos do caminho das brincadeiras.
:: Piscina: não ficar pulando muito na “beiradinha”.
:: Supervisão de adulto é sempre bom, cuidado para não entrar na “cervejinha” e deixar as crianças sozinhas em situação de risco. Na hora de socorrer uma criança, o adulto lúcido fará grande diferença.

Aproveite para ler e reler esta matéria. É muito importante ter certeza sobre procedimentos de primeiros socorros. Só assim você poderá atuar com segurança diante do desafio da emergência. O saber nunca é demais. E quem dirá para ajudar os nossos filhos!


#repost
Primeira publicação: 03/01/2013