No primeiro post do ano, conversaremos sobre “ano novo, vida nova”. Há duas frases que circulam pelo mundo virtual e das quais gosto muito: “Você escolhe aquilo que planta” e “Faça diferente para ter diferentes resultados”. Elas indicam que somos responsáveis pelas nossas vidas. Tira-nos do lugar de vítima e nos coloca como autores da nossa história.

Estamos vivendo uma época em que raras são as exceções capazes de reconhecer seus erros e fraquezas. O caminho mais fácil é culpar algo ou alguém pelo fracasso. Mas, enquanto não tomamos as rédeas de nossas vidas, com suas glórias e derrotas, não somos capazes de fazer diferente.

Normalmente, no final do ano, são feitas centenas de promessas de mudanças. Mas só será possível mudar se realmente isso for importante para a pessoa. A mudança só acontece se a mesma se torna um hábito, ou seja, não precisamos mais ficar em constante vígilia para repetir um comportamento, pois, agora, já fazemos naturalmente.

Mudanças são importantes e fazem parte do nosso desenvolvimento. Não podemos ter medo de mudar, mas temos que fazer isso por nossa causa, e não por algo ou alguém. A mudança também não acontece da noite para o dia, afinal, exige tempo, esforço, paciência e perseverança. Por isso, primeiramente, coloque pequenas metas. Após alcançá-las, parta para outra um pouco maior e assim por diante, até conseguir o que deseja.

Também não devemos ter medo de voltar atrás. Muitas vezes percebemos que a mudança não foi positiva. Nesse momento, é importante sermos sinceros e assumirmos a autoria de nossas vidas.
Sabemos que não é possível mudar o mundo e as pessoas que aqui residem. Também não conseguimos eliminar tudo aquilo que nos incomoda, mas, uma nova atitude pode mudar a percepção quanto a esses incômodos. Com certeza essa mudança gerará novos resultados. Podemos não resolver o problema do mundo, mas conseguiremos viver de uma maneira mais leve e em paz.

Desejo sinceramente, que neste novo ano possamos plantar e colher aquilo que realmente é importante para nós. Que consigamos passar pelas tempestades com mais tranquilidade e responsabilidade. Que tenhamos muito tempo para aproveitarmos o que há de melhor nessa vida:  a nossa família. Desejo um ano repleto de brincadeiras, beijos, abraços, cócegas, gargalhadas e muito amor! Feliz ano novo para todos vocês!