Uhuuuu!


“Você conhece o Parque Amilcar Viana Martins? Ele fica ali no Cruzeiro, ao lado da Fumec. É um Parque com amplo gramado, miquinhos nas árvores, um lindo brinquedão e algumas opções originais de madeira, que ainda se conservam. O Parque tem um deck com mirante, dá pra ver um horizonte imeeenso da nossa Beagá. Nunca reparou não? Tem um portão ao lado da entrada da faculdade. Você vai subindo, subindo e chega lá.”

Já perdemos a conta de quantas vezes contamos essa história para as pessoas sobre o Amilcar Viana Martins. Gente que custa a acredita que exista um parque tão legal por ali. Famílias que costumam sempre passar por perto, mas não imaginam um espaço natural naquela redondeza.

O Amilcar Viana se tornou um xodozinho do Na pracinha, um recanto especial para fazer um piquenique, desacelerar. Ficar pertinho da natureza, pisar na grama, deixar as crianças se aventurarem nos galhos das árvores. Por isso, adoramos “fazer propaganda” sobre ele.

E foi nesse cenário que, com grande alegria, o 28º Encontro Na pracinha aconteceu. Já fizemos Piqueniques Literários por lá, já participamos de aniversários, já fomos passear com a família simplesmente pra curtir o espaço. Só que desta vez, estávamos acompanhados de tantas e tantas pessoas que compartilhavam com a gente esse desejo de brincar lá fora, de ser e pertencer a Belo Horizonte, numa especial conexão com a natureza e com a cidade.

Então, no último domingo, o parque amanheceu com pontinhos coloridos espalhados em forma de bandeirolas, cuidadosamente utilizadas para decorar o espaço pela Brincar Lá Fora, deixando o local ainda mais aconchegante.

Ali sobre o gramado, as crianças se divertiram com as brincadeiras da Ciranda de Roda. Pularam, cantaram, gargalharam, numa alegria só.

De trás das árvores, apareceu também uma Chapeuzinho Vermelho muito engraçada e um Lobo Mau que queria enganar todo mundo. Mas ainda bem que as crianças eram mais espertas. Um enredo diferente da Casa de Lua fez todo mundo rir e se encantar essa história tão tradicional, contada de um jeito diferente – no final, eles ficam amigos.

A Cirandar deu aquele empurrãozinho no faz de conta dos pequenos, que criaram guitarras de papelão e varinhas mágicas. “Mãe, esses botões que colei aqui na varinha, têm poderes!” Uau! E voa, imaginação…

Palitinho de picolé + pratinho de papelão se transformaram em florzinhas coloridas lindamente decoradas com tinta nos dedinhos, para as crianças levarem como lembrança desse encontro com a natureza, na Oficina da Ora Bolinhas. 

E olha só que legal: os pequenos também plantaram uma hortinha de verdade em garrafas pet com o Colégio Arnaldo. Tinha manjericão, alface, cebolinha. E já sabemos que tem muitos meninos, em casa, regando direitinho, ansiosos por terem multiplicadas suas plantinhas. Um cuidado lindo de se ver!

E como parque é pra brincar, a Aldeia Jabuticaba levou um handball de sabão super legal, que fez os pequenos suarem a camisa, sujarem as roupinhas e esbanjarem alegria :) E tinha também as brincadeiras tradicionais que a gente adora! Para os menorzinhos, uma estação sonora feita com panelinhas e pequenos acessórios de cozinha estimulou sensorialmente nossos miúdos.

Sob uma frondosa árvore, também encontramos um pirata muito divertido, de perna de pau, que fez as crianças dançarem, os adultos cantarem e o clima de aconchego se espalhar pelo gramado. Foi assim, com uma história divertida e musical que o Músico Pai atraiu muitas famílias para se envolver numa experiência diferente.

Os amigos da Mirabolando, Santo Gelinho e Magaly estacionaram suas foodbikes no Parque, com delícias para repor as energias e refrescar o calor da manhã. E mais uma vez, as famílias também levaram suas doações para a Vó Dolores, que irá promover, com o Na pracinha, uma Ação Solidária no final do ano. Obrigada, pessoal!Tudo isso foi registrado, com carinho, pela Luciane Guirlanda. Com delicadeza e sensibilidade, ela captou o clima do Encontro Na pracinha e deixa, por meio das fotos deste post, um gosto de quero mais, um grito de “chega logo, 29º Encontro!”

Espia só a alegria desta manhã:

Quem fez o 28º Encontro Na pracinha com a gente:
:: Jogos Lúdicos com a Ciranda de Roda
:: Chapeuzinho Vermelho com a Casa de Lua
:: Oficina de Jardinagem – Colégio Arnaldo
:: Faz de conta de papelão – Cirandar
:: Florzinha de papel – Ora Bolinhas
:: Brincadeiras tradicionais e estação sensorial musical – Aldeia Jabuticaba
:: Musicalização “Fundo do Mar” – Músico Pai
:: Cenografia: Brincar lá fora
:: Foodbikes: Magaly, Santo GelinhoMirabolando
:: Cobertura fotográfica: Luciane Guirlanda
:: Campanha solidária: Vó Dolores

Parque colorido logo cedinho com a decoração da Brincar Lá Fora

 

E as famílias vão chegando com seus piqueniques :)
Pega a terra – ou sente a terra? Encontro mais sensorial, gente! {Oficina de Jardinagem com o Colégio Arnaldo}

 

Enche a garrafa pet….
Escolhe a mudinha…

 

E planta com cuidado..!

 

Depois, é só regar direitinho e dar muito carinho para essa hortinha temperar a vida :)

 

Concentração para a fábrica de Faz de Conta da Cirandar

 

A Ciça criou uma guitarra

 

E teve gente personalizando sua varinha de condão

 

Mas o mais importante, é a curtição :)
Tinta na forminha de gelo – olha que ideia legal!

 

No final, é só ensaiar a apresentação! <3
Chegou a Ciranda de Roda!

 

 

Todo mundo junto, pessoal!

 

Vem aqui que eu te ajudo, amiguinho

 

Animação na galerinha

 

 

E também tinha ajudante no batuque

 

 

E até cai no chão!

 

Eu voooou andar de trem!

 

Muitas cores e uma linda florzinha {Oficina da Ora Bolinhas}

 

Pintar com os dedos é mais legal

 

Pintura a 4 mãos

 

Caprichando nas cores

 

Tão legal usar os dedos de pincel!
Tcharam!
Música para os menorzinhos – nos instrumentos, nas panelinhas com a Aldeia Jabuticaba

 

Toca aí, Lili!

 

Olha que som legal nas panelinhas!

 

Essa Alice bate recorde na corda!
Vai começar o handball de sabão!
O goleiro molha o sabonete na água…

 

E corre para acertar o gol!
Esqui no parque? Tem que ser sincronizado ;)
Olha quem apareceu no meio do Parque!

 

De pai pra pai :) Músico pai divertindo as famílias

 

 

Tá gostando, filho?

 

E pelo parque afora, ele leva sua cantoria pra todo lado

 

Ó! A turminha da brincadeira toda junta!

 

Foi assim: sob uma frondosa árvore, que a história aconteceu

 

Em meio à natureza é mais divertido brincar :)
Pela estrada afora, eu vou, bem sozinha….
Ui, ui, ui, o lobo está chegando!

 

E com cara de fome….!

 

Não conta pra ele que estou aqui, pessoal!

 

E agora, o que será que vai acontecer nesta história da Casa de Lua?
Ei, meninada! Me ajudem aqui a segurar este lobo!

 

No final, deu tudo certo…!
A-do-le-ta!

 

 

Uma saladinha de frutas da Magaly – porque natural é mais legal :)
Para recarregar as energias, bolinhos Mirabolando, para refrescar, chup chup Santo Gelinho:)
Gente, mas o que é isso?

 

Bolhas gigantes no Encontro Na pracinha!

 

A meninada pira!

 

Quando o pai leitor entra no clima do Encontro Na pracinha, tudo fica ainda mais divertido.
Obrigada, Leo, por mais esse presente para as crianças!

 

Quando ela encontra aquele brinquedo que veio diretamente da natureza <3
Leia para uma criança :)

 

Aí chega a hora de explorar o parque!

 

Iupiiii!

 

Olha aqui, amiga, vamos fazer a comidinha com esses ingredientes, tá?

 

Te achei!

 

 

Vamos lá, pessoal!

 

E aqueles leitores que estão sempre Na pracinha – a gente adora encontrar vocês!
Um parque delícia a sua espera, explore-o!

 

E não cansamos de passear :) Até o próximo Encontro, pessoal!