Por Malu, mãe da Liz

Oi ! Meu nome é Malu. Sou mãe da Liz de 1 ano e 5 meses e tenho um Instagram (@universodaliz) em que posto nossas brincadeiras e nosso dia a dia. Sempre tive interesse em criar brincadeiras para a Liz além de brincar com brinquedos já prontos. A casa e o que tem nela fazem parte de um mundo interessantíssimo para restringi-la somente a brinquedos comprados para sua faixa etária (na maioria das vezes plásticos, sonoros e coloridos).

Depois de entender a importância de experiências sensoriais para os bebês, comecei a estudar sobre as brincadeiras sensoriais que proporcionam mais oportunidades de estímulos para os pequenos, que na maior parte do tempo, são colocados em contato somente com objetos fofos, macios e suaves.

Segundo Nadja Azevedo, fisioterapeuta e psicomotricista, entre 0 e 2 anos, a criança vive o chamado período sensório-motor, o que significa que é por meio dos sentidos que o bebê conhece e interpreta tudo o que acontece ao seu redor. A informação captada pelos sentidos é a força motriz para o movimento. É o cheiro, o som, a cor e todas as percepções que os sentidos trazem para o cérebro que instigam a criança a pegar, explorar, analisar, comparar… Com isso, a criança vai criando novas sinapses, forma conceitos e começa a construir a base do pensamento lógico e abstrato. Além disto, estes estímulos sensoriais ajudam o bebê na construção da sua noção de corpo e identidade. Desta forma, permitir que a criança tenha acesso a estímulos sensoriais variados é importantíssimo para o seu desenvolvimento.

Com Liz eu comecei a apresentar atividades sensoriais a partir dos 6 meses, faço até hoje e ela adora! Seguem abaixo algumas ideias de brincadeiras que fizemos por aqui e que ela se divertiu muito! Tem muito material em casa que vira uma brincadeira sensorial rica em estímulos e diversão! Bacana salientar que fora algo perigoso (colocar coisas pequenas na boca, no ouvido, no nariz etc) deixo Liz explorar sua brincadeira de forma não direcionada. Entrego a caixa e deixo ela se divertir! Esse é um momento de exploração dela, e ficar intervindo ou mostrando como fazer só a atrapalha a descobrir a sua maneira, no seu tempo e do seu jeito!

Liz com oito meses encantada com o reflexo e o barulho de uma folha de
papel alumínio colada no chão com durex. Liz com um ano saindo desse mar
de papel amassado!

                                          

Liz com 9 meses brincando com talos de hortelã! Ela adorou arrancar as folhas!

                                          

Uma bacia com espumas de sabonete de bebê feitas na batedeira ( também
coloridos com corantes alimentícios) fez a alegria dela em um dia de
calor!

                                              

Pintura com gelos de água colorida: com os maiores é possível até
mostrar a mistura de cores resultando em outras cores ! Fica lindo!

                                              


Tingi arroz com corantes alimentícios e Liz com 11 meses adorou misturar as cores!

                                                     

Maisena, água e corante alimentício: quer tinta comestível mais fácil de fazer?

                                   

Que tal brincar por aí também? Garanto que é um tempo junto delicioso com os pequenos!