Foto: Unsplash | Tina Bo

A Primeira Infância é o período que corresponde desde a concepção, até os seis primeiros aninhos de vida da criança. Estudos comprovam que é durante a mesma, que o cérebro humano desenvolve a maioria das ligações entre os neurônios. Até os 3 aninhos de idade, cerca de 100 bilhões de células cerebrais, com as quais uma criança nasce, desenvolve um quatrilhão de ligações.

É o período em que as experiências, as descobertas e o afeto são levados para o resto da vida! Portanto, uma primeira infância com cuidados respeitosos, paciência, muito amor, estímulos necessários e interações fisiológicas, pavimentam o caminho para que a criança aproveite e desenvolva todo o seu potencial de maneira natural.

É a partir dela, que “nasce” um adulto mais saudável, mais amável e emocionalmente seguro, florescendo assim, uma sociedade com os mesmos valores. Que não nos deixemos influenciar pelo “behavorismo” e pelas “influências comportamentais excessivas” impostas por “nós”, seres ativos, em cima de seres totalmente passivos.

Os bebês e as crianças possuem necessidades que precisam ser atendidas e compreendidas. Bebês agirão como bebês, e crianças agirão como crianças, simples assim. Siga o seu coração!  Amor, colo, carinho e aconchego, só fazem mal quando faltam.