A síndrome do “boa, filhão”
Ver publicação

A síndrome do “boa, filhão”

Hoje eu resolvi “dar um tempo” na conversa sobre adolescentes e falar de um tema mais universal: a síndrome do “boa, filhão”. Você não conhece? Assim que eu explicar melhor você vai entender e, por que não, até se reconhecer um pouco nela. Eu mesma, depois de identificá-la algumas vezes, passei a me…
Ver publicação
Tudo tem seu tempo
Ver publicação

Tudo tem seu tempo

“Quando nasce um bebê, nasce uma mãe”, a velha máxima precisa ser completada: “Quando nasce um bebê, nasce uma mãe e o mundo vira uma panela de pressão!”. Logo que o bebê inicia sua vida social, nos deparamos com as indagações e comparações alheias (conhecidas e desconhecidas): – Está só…
Ver publicação