Não há lugar mais belo para apresentar aos pequenos a riqueza natural que nos rodeia, do que o Santuário Basílica Nossa Senhora da Piedade – ou Serra da Piedade, como é conhecida por muitos.
Pertinho de Beagá, o Santuário encanta desde a subida da Serra, quando é possível apreciar a exuberância deste que foi considerado pelo governo de Minas um patrimônio de especial relevância, além de ser tombado pelo IEPHA e IPHAN.
A mais de 1.700m de altitude, é possível se encantar com um horizonte de tirar o fôlego, 360 graus de uma paisagem que, em dias nublados, nos faz sentir no meio de um mar de nuvens. Nada melhor para despertar a imaginação da criançada.
Em dias claros, são montanhas a perder de vista. E durante o pôr do sol, nos deparamos com uma imagem a se gravar na memória.
A igrejinha do Santuário que se vê desde o pé da Serra é chamada de Ermida e existe há 250 anos. Em meses como novembro e outubro, é possível avistá-la lá da rodovia, toda iluminada de azul ou rosa. É uma diversão, ao passar com as crianças por ali, perguntar quem vai encontrar primeiro a igrejinha iluminada. E de tão especial, recentemente ela recebeu do Papa Francisco o título de Basílica, confirmando a singularidade do local.
A Ermida abriga a imagem de Nossa Senhora da Piedade, que foi esculpida por Francisco Lisboa, o mestre Aleijadinho, no século 18. A Santa é considerada pelos católicos padroeira do estado de Minas Gerais.
O Santuário possui várias praças, todas amplas, convidativas para as crianças passearem com a família.
O espaço também conta com uma pequena arena que pode ser palco para pequenas apresentações. Antes do seu passeio, que tal treinar poemas com as crianças para que possam recitá-los por lá, ao ar livre? Seria uma brincadeira muito especial.
Dicas importantes:
– Como a altitude é grande, vale levar um bom casaco de frio, mas também protetor e boné, pois a variação de temperatura é repentina.
– O Santuário conta com um bom restaurante e também com lanchonete e lojinha.
– Visitar o Santuário é oportunidade também de conhecer o queijo Frei Rosário, uma iguaria que tem caído no gosto de visitantes do mundo inteiro. O queijo é maturado durante 40 dias em uma caverna do Santuário. Um momento especial para conversar com os pequenos sobre a importância de se dar tempo para alcançar o que queremos, com planejamento e paciência.
– Como o espaço tem recebido cada vez mais visitantes, a dica é ir durante a semana ou no sábado, pois no domingo muitas vezes fica mais cheio. Vale também dar uma passada pelo site antes de ir para conferir se alguma grande peregrinação está prevista, já que reúnem milhares de pessoas.
O passeio é inesquecível. Vale convidar toda a família para passarem o dia no local.
Quer visitar?
Alto da Serra da Piedade, s/nº – Caeté/MG
(31) 3651-6335 / 3651-6784
Horários:  de segunda a sábado, das 8h às 18h | Domingo e feriado, das 7h às 18h
Taxa de visitação:
Motocicleta: R$ 4,00
Carro passeio: R$ 6,00
Van: R$ 12,00
Microônibus: R$ 18,00
Ônibus: R$ 36,00
Fotos: Patrícia de Sá