foto colorida. uma criança salta em direção a um balão vermelho.
Tanto Mar Fotografia

a semana da criança contará com programação em diferentes formatos e para todos os gostos. tem estreia do nosso primeiro encontro nas nuvens – o tempo de brincar 

desde que esta pracinha foi criada, sempre compartilhamos a programação cultural para famílias e as coberturas dos quintais-praças de beagá. (re)ocupar a cidade com as crianças, possibilita resgatarmos os afetos e encontros que surgem na convivência com os outros. e isso se faz urgente. seguimos sempre sugerindo que priorizem passeios ao ar livre. nesses tempos, o lá fora, perto da natureza, longe de aglomerações, tem sido (ainda mais) recomendado pela sociedade brasileira de pediatria.

programação cultural de 8 a 17 de outubro tempo de brincar 〰️ nosso encontro nas nuvens os parques na pandemia os museus na pandemia retorno do projeto “domingo a rua é nossa”


aos poucos, a cidade reabre seus espaços, atividades são reinventadas para atender as novas formas de se relacionar. as mudanças impostas por esses longos meses pandêmicos exigem responsabilidade coletiva nas decisões cotidianas, incluindo as escolhas dos passeios: respeito as medidas de prevenção, protocolos e normas sanitárias vigentes e cuidados com a higiene e etiqueta respiratória*.

*distanciamento de no mínimo 1,5m; lavagem das mãos com água e sabão – ou se não for possível, álcool em gel; uso de máscara – com troca a cada duas ou três horas; lenços descartáveis para higiene nasal; cobrir o rosto ao tossir ou espirrar. *respeite os protocolos de cada espaço/evento e as normas sanitárias estabelecidas pelo decreto municipal da prefeitura de belo horizonte


em nossa curadoria, selecionamos programas para serem curtidos em família.  converse com as crianças e escolham juntos a programação. a gente sempre incentiva curtir lá fora, junto a natureza, pelas praças e parques da cidade, explorar os museus e permitir que a meninada tenha contato com a arte.  também é muito importante reservar um bom tempo para não fazer nada, vivenciar o ócio, deixar a criatividade e a imaginação fluir.   vale sempre conferir informações referente a atividade (horário, classificação etária, ingressos) junto aos promotores, pois mudanças de última hora podem acontecer, e conferir os protocolos referentes a covid-19. não nos responsabilizamos pelo conteúdo e execução das atividades, oficinas e espetáculos de terceiros